Páginas

sexta-feira, 15 de junho de 2012

BC - AMOR AOS PEDAÇOS - QUESTIONAMENTO



Imagem do Google

              Esta é a minha participação na Blogagem Coletiva Amor aos Pedaços proposta por Rosélia, Rute e Luma Rosa que na sua quarta fase tocará os corações com o tema Questionamento.

              O questionamento é uma característica inerente ao ser humano, questionar para corrigir o que está errado, questionar para evoluir. Se ele está desencantado da vida se questiona, questiona o mundo, suas incertezas e quando esperançoso busca respostas para crescer e viver ainda melhor.

             A arte de viver é movida por dúvidas, incertezas, questionamentos, o conjunto disso tudo inspirou o homem às suas grandes conquistas e descobertas. Afinal quando começamos a nos inquietar por respostas não é simplesmente por estar cheio de dúvidas existenciais, mas por estar também desejando ir ao encontro do desconhecido, descobrir novos caminhos, fazer descobertas. Foi por dar asas à imaginação que desfrutamos das condições de vida que temos hoje.
              Os questionamentos sobre a vida são inúmeros e profundos, muitos requerem explicações filosóficas além mesmo do que vai nossa vã sabedoria e conhecimento. Com eles descobrimos um novo significado para tudo,  mas existem respostas que nunca teremos, que nunca saberemos, pois nos fogem a razão. O amor, por exemplo, é assim, independente da idade que tenhamos, de nossa experiência de vida, ele nos deixa vulneráveis, depositamos nossas esperanças nele e desejamos que seja o nosso porto seguro. O que acontece é que sem mais nem menos nos pegamos cheios de dúvidas sobre o amor, há quem fuja dele por medo - de sofrer, do desconhecido - dúvidas que se instalam muitas vezes por uma insegurança que pode nos desestabilizar. Há quem questione o amor de Deus quando a vida não corre da melhor maneira; o amor dos pais pelo ciúme dos irmãos ou simplesmente por não receber dos pais tudo o que querem; já os pais por sua vez questionam o amor dos filhos quando não são obedecidos; há dúvidas no amor dos irmãos que se rivalizam na disputa pelo amor dos pais; há questionamentos entre os casais que sufocam o relacionamento levantando mil suspeitas entre si e há ainda entre os amigos quando não crêem na amizade, na troca e no encontro com o outro.

               O que não podemos ignorar é que a infinitude da existência do mundo pressupõe que estamos apenas fazendo uma breve viagem a qual temos passagem de ida e volta, um tempo pré-estabelecido para estarmos aqui. E esta vida é moldada por escolhas que geram questionamentos sejam eles de ordem humana ou religiosa e que são moldados dentro de nossa perspectiva de vida, de nossa visão de mundo. E estes questionamentos de acordo com a nossa viagem nos trará suas respostas, se serão as corretas, as mais plausíveis só o tempo dirá através das experiências e das vivências de cada um. Nós sempre queremos buscar a verdade das coisas, mas não podemos esquecer que ela pode ser relativa, então precisamos mesmo é relativizar. Só não podemos nos conformar com a ignorância, devemos buscar viver com sabedoria mesmo que nem sempre as respostas nos satisfaçam.

                  Um excelente final de semana para todos!

36 comentários:

  1. Há e sempre hão de haver questionamento e saber procurar respostar e ainda aprender com eles é preciso! beijos,chica e linda participação!

    ResponderExcluir
  2. Olá Valéria, bacana sua participação, questionar é preciso, afinal como vc mesma disse é a partir deles que mudamos algumas coisas, refletimos e evoluímos, tornando nossas vidas melhores, muito bom o texto reflexivo que escreveu! Bjoooooss

    ResponderExcluir
  3. Bom dia,Valéria!!!

    Puxa...que texto lindo!!!A vida é cheia mesmo de questionamentos, e faz bem pararmos e pensarmos filosoficamente!Assim conseguimos aprender!
    Adoro filosofar!!E faz bem!
    Estou sempre em busca de conhecimento,junto com o amor é o alimento de minha alma!
    Beijos,minha amiga!!!
    Tenha um ótimo final de semana!

    ResponderExcluir
  4. Eles são a mola mestre do ser humano, questionamentos no sentido da busca, da evolução pessoal e interacional.
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi Val!!!

    Os questionamentos levam a grandes mudanças, gostaria que o povo questionasse mais o atual sistema político em que vivemos com tanta corrupção, coisas erradas e injustiças, me questiono isto todos os dias??? Bela reflexão!!!
    Um abençoado fim de semana pra você!!!
    Bjs :)

    ResponderExcluir
  6. Sem questionamentos não levamos a vida, Valéria. Ficamos estagnados, sem motivação para continuar.
    Para o bem ou para o mal, questionar faz parte do ser humano.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  7. É através dos questionamentos, das divergências de opinião, que se chega à descoberta de novos caminhos. Assim se faz na ciência, na educação, no lado profissional... na vida. Eles são a chave mestra para o aperfeiçoamento, independente de, nem sempre, a resposta se tornar clara, diante da primeira tentativa. Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Olá Valéria, nós aqui de novo para ler e refletir quantos tipos de abordagem para um mesmo assunto, não? Dá gosto de ler essas diferenças! Deu muito gosto ler a sua, ampla e coerente. Grande abraço e fim de semana feliz! Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá, Valéria!
    Perguntar é preciso, responder também, mas nem sempre a resposta se adequa, daí que voltamos a questionar e a roda continua a girar!
    Atualmente, procuro não dar muita trela aos meus questionamentos: não quero aprofundar-me muito em questões existenciais. Tento ser mais sensorial, curtir, seja a alegria ou a dor, que é inevitável. Já gastei energia demais em busca dos porquês!
    Bjsssssssssssssssss, quérida!

    ResponderExcluir
  10. OI Valéria
    Belo texto, questionar é sempre muito saudável, mas é preciso que existam respostas convincentes e satisfatórias a todo questionamento.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  11. Falou tudo, Valéria...

    Eu sou uma pessoa questionadora sempre, e geralmente não me satisfaço com uma única resposta. Curiosa mesmo, apesar de ter ainda alguns medos. Mas acho que medos são os nossos moderadores...
    O importante é não ficar em dúvidas.

    Beijos... adorei!
    Ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
  12. Clara e propícia reflexão, Valéria.
    Esta herança que trazemos ancestralmente é propulsora dos avanços da humanidade, socialmente e tecnologicamente.Nas questões mora o inconformismo com o estagnado, porém há que se ter clareza, buscar o diferencial que reside nos por quês, para que nossas escolhas possam ser coerentes.
    Os muitos olhares destas coletivas são altamente positivos.
    Bjos, Bjos,
    Calu
    OBS: seja muito bem-vinda!

    ResponderExcluir
  13. Oi Valéria, belo texto..
    A dúvida pode articular questões, mas lhe pode passar a largo..a dúvida quanto não é elaborada em questão e exposta pode amargar e fazer sofrer..

    Que tenhamos sempre a coragem de perguntar, de expressar nossas dúvidas!

    bjs

    ResponderExcluir
  14. Oi Valéria,

    Sua participação foi excelente.
    Somente através de questionamentos atingiremos uma grau maior de compreensão, conhecimento e evolução. Crescemos e nos enriquecemos através dos questionamentos.
    Não obteremos respostas para todos eles, é verdade, pois muitas questões estão além de nossa capacidade de compreensão, principalmente no que se refere ao campo da espiritualidade.
    Acredito que aquele que deseja evoluir, em qualquer aspecto que seja, será sempre questionador nesta passagem pela vida.

    Ótimo domingo.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  15. Belíssimo e de grande conteúdo seu texto e participação nesta blogagem, amiga Valéria!
    Questionamos porque faz parte da nossa humanidade e ao mesmo tempo é bom, saudável e compreensível, afinal somos complexos e o mundo inteiro também.
    tenha um lindo final de semana e beijinhos cariocas

    ResponderExcluir
  16. Valéria,

    As escolhas erradas geram consequências mais na frente. Por isso, vivemos questionando o tempo todo. Acho que essa fase nunca passa em nossas vidas.
    Um lindo final de semana.
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Querida Valeria,tem razão!Estamos sempre questionando e é isso que nos leva a buscar mais conhecimento e aprender a amar cada vez mais!Linda participação!bjs,

    ResponderExcluir
  18. Valéria, até mesmo os questionamentos devem ser sempre baseados no bom senso, caso contrário, viram paranóias.

    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Muitos questionamentos também os deixam alheios a detalhes que possuem algumas respostas,vida doida...
    beijo grande Val..um ótimo fds

    ResponderExcluir
  20. Olá Valéria!
    Muito bem escrito teu texto amiga! E a vida se apresenta bem assim mesmo. Então o questionamento é aquela mola que nos impulsiona para a mudança, bjs e ótimo fds. Ieda.

    ResponderExcluir
  21. Valéria,
    você, como sempre, nos surpreendendo!
    Acabei de ler o texto da Luma e é engraçado como mesmo diferentes os textos se complementaram!

    Vou tentar me organizar e participar na próxima blogagem coletiva.

    Um ótimo final de semana.

    Beijinhos :**
    Carol
    www.umblogsimples.com

    ResponderExcluir
  22. otimo final de semana pra vc também. lindo texto. lindo espaço. abraços lamarque

    ResponderExcluir
  23. Valéria, estou atrasada, mas chegando... De tão cansada perdi o sono...

    Profundo o sue texto, vida sem questionamento deve ser realmente uma vida esvaziada.

    Tenha um maravilhoso domingão!

    Beijoooooooooooo

    ResponderExcluir
  24. Oi, Valéria. Bacana demais esta abordagem. Tem momentos em que considero a dúvida o antônimo do egoísmo humano. Pois é dela que nascem os questionamentos e deles florescem as ações para melhorarmos a nós mesmos e o mundo em nossa volta. Assim também acaba acontecendo nas relações afetivas, sendo o amor uma espécie de motor de nossos atos para como o outro.

    Grande abrço e ótimo dia.

    ResponderExcluir
  25. Oi Valéria,
    usufrui de alguns lampejos à medida que ia lendo sua participação.

    1º, você fala no questionar o amor de Deus quando tudo escurece. Já passei por isso. Por não entender o porquê de Deus me fazer passar por tanta provação. Felizmente já me reconciliei com o Divino e compreendi os propósitos da criação.

    2º, questionar se quem opta por se manter na ignorância é mais feliz? Eu olhava pessoas que não se questionavam, enquanto eu vivia em convulsões interiores e pensava: será que não ver, não ouvir e não pensar é o melhor caminho? É claro que escolhi o caminho espinhoso da aprendizagem e assim sigo questionadora em direcção à iluminação.

    Muito boa sua prestação, querida Valéria. Você trouxe nova perspectiva ao tema questionamento que ainda não tinha visto nas participações anteriores à sua.
    Beijo além-mar.
    Rute

    ResponderExcluir
  26. OIii

    muito boa a abordagem..
    alias esse negocio de blogagem coletiva é muito interessante...
    eu ja vi outros blogs ainda hoje com esse tema...

    bjsss

    ResponderExcluir
  27. Salve Valéria! Excelente reflexão! Bem melhor viver cheio de dúvidas do que rodeado de respostas. Essa é boa pra começar a semana. Um brinde aos grandes questionamentos!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  28. Oi Valéria , muito legal este texto. E como você disse só não podemos nos acostumar com ignorância, hoje em dia é tão fácil obter conhecimentos.

    Bjus

    ResponderExcluir
  29. Oi Valéria,
    Adorei o texto,bela participação!
    Questionar deve fazer parte da vida dos seres humanos,mas certas coisas como o amor muitas vezes chegam até nós para nos fazer entender que nem tudo tem uma explicação lógica,às vezes basta sentir.
    Uma ótima semana,abraço,=)

    ResponderExcluir
  30. Lindo texto, Valéria...Me questionei várias coisas agora...rs
    Mas assim é nossa vida, fases de questionamentos.Nem sempre obtemos a melhor resposta quando precisamos.Resta muitas vezes deixá-las guardadas para o momento apropriado...
    Paz e bem

    ResponderExcluir
  31. É preciso questionar para viver e não sofrer por aquilo que não temos dominio.É preciso questionar para não permitir a instalação da inercia.
    Otima sua participação amiga.
    Carinhoso abraço de paz e luz.
    Bela semana com alegria e poesia.

    ResponderExcluir
  32. Tem pessoas que não gostam de questionar a vida...vão vivendo dia após dia, correndo atrás do rabo e nada mais...Estas acabam depressivas e infelizes. Já quem questiona e procura saber o que vieram fazer aqui, certamente terá uma vida mais intensa e mais interessante!

    Beijos e boa semana!

    ResponderExcluir
  33. Bom dia,Valéria!!

    Vim deixar um beijo e um abraço bem carinho pra ti!!!
    Tenha um ótima semana!!!!
    Até segunda!

    ResponderExcluir
  34. Valéria, seu texto ficou uma delícia de ler e de uma clareza sobremaneira!! Também me questiono pensando na infinitude do mundo e se vale a pena questionar atitudes de terceiros, mas invariavelmente, por que vivemos em um mundo agregado ao espiritual, tudo nos afeta! Aprendi a enxergar o mundo (terra) de uma maneira diferente, por que aqui estamos vivendo um mundo em 3D, mas nem sempre é assim. Existem muitos mundo invísiveis, com seres bem mais melhorados que nós. É como se vivéssemos no último mundo dessa escala e temos que fazer por nos melhorar a cada dia. Cada dia, um novo dia, de aprendizado, de questionamentos, de acertos e desacertos.
    Obrigada por participar mais uma vez da blogagem!!
    Boa semana!! Beijus,

    ResponderExcluir
  35. Olá, querida Valéria
    Demorei a passar pela Missão que faço há 3 meses e que me faz ficar fora da net...
    Gostei de vc mencionar a questão de dar tempo ao Tempo... todos os questionamentos são elucidados sim... o demais, é mistério...
    Seja abençoada e feliz!!!
    Bjs de paz

    ResponderExcluir
  36. Linda abordagem, Valéria.
    Durante nossa vida inteira sempre questionaremos, porque não somos donos da verdade.

    Beijos.

    ResponderExcluir

Gostei de sua visita, volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...