Páginas

domingo, 15 de abril de 2012

BC - AMOR AOS PEDAÇOS - DESENCANTO



Imagem do Google

           Esta é a minha participação na Blogagem Coletiva Amor aos pedaços proposta por Rosélia, Rute e Luma, que na sua segunda fase tocará os corações com o tema Desencanto.
           Confesso que hoje não é bem um dia para eu falar de desencanto com a vida, afinal hoje é o meu aniversário e meu coração está em outra sintonia, mas não podemos fechar os olhos à realidade, quem nunca se desencantou um pouco que seja ao longo de sua vida? A questão de se desencantar com alguma coisa é não ficar preso àquele sentimento, é encarar que tudo tem duas feições e conviver pacificamente com elas. O pior de viver olhando o mundo ao seu redor com um triste olhar é se fechar para tudo o mais transformando a vida em um triste inverno.
            Para ela foi assim, houve um tempo em que a vida lhe sorria, na juventude já há muito distante, ela sentiu a vida pulsar ao conviver com sua família que ela tanto amava, os amigos que a acompanhavam nos muitos bailes onde fazia o que mais adorava, dançar. Era um tempo feliz! Aos poucos como uma árvore que vai perdendo a seiva ela foi aos poucos deixando se levar pelos dissabores da vida. Depois de casada, se foram as festas, os encontros com os amigos e a família. Família agora eram os filhos que chegavam ano após ano numa escadinha de oito degraus. A vida não era fácil, não foi fácil. Ela foi perdendo a esperança em um crescente gotejar de lágrimas e com a desesperança veio a sensação de impotência, de medo, de frustração. Na falta de apoio que ela tanto necessitava naquela dura vida criando tantos filhos e com um marido sempre ausente, trabalhando, muitas vezes ela sentiu a força lhe abandonar. Ao longo do tempo ela foi se indagando do que havia construído na sua vida e fechada com os seus problemas, com sua solidão foi amargando por dentro, perdendo a vontade de sorrir e guardando como sagradas as lembranças da infância e adolescência felizes que não voltariam mais.
             Hoje na velhice ela colhe o que vivenciou em cada fase da vida, com seu coração doente olha a vida com os olhos do desengano, pois se o coração não está bem todos os nossos sentidos passam a funcionar em desarmonia e isto se reflete na renúncia em ver o mundo com um olhar distante, sem brilho, sem colorido, como se ele, o mundo já não lhe dissesse mais respeito.
             E assim ela se encontra em meio a todos nós, mas sozinha em seu mundo cinzento, sem sorrir, sem vontade de retomar a vida, com o coração fechado, sem alegria de viver, desencantada da vida.
     Todos os comentaristas desta postagem estarão concorrendo a um livro na minha participação do BookCrossing Blogueiro com comentários até às 23:59 de 16/04. Boa sorte!

36 comentários:

  1. Abro mão de participar do sorteio e também vou deixar de comentar o conteúdo desse texto bonito. O dia hoje é especial e só passei pra desejar, por aqui também, um excelente aniversário pra vc! Que sua vida seja longa e feliz! Bjos

    ResponderExcluir
  2. Valéria, a vida é feita de encantos e desencantos.
    Acho que ensinaram tanto que o amor é algo mágico, que o príncipe chega e seremos felizes para sempre, que nos esquecemos que o encantamento da vida tem que estar em nós mesmos. Não colocar no outro a culpa pelos desencantos que vamos vivendo.
    O encanto do amor dura o quanto queremos.
    Mesmo com as lidas da vida, o encantamento de ter o filho nos braços, de ter que lutar pelo pão, de chorar por encantos perdidos, tem que ser maior do que a desilusão.
    Quem perde o encantamento fica mesmo com olhos de desengano.


    Aproveito para lhe dar outra vez o meu abraço e meus votos de que sua vida seja sempre cheia de encantos. Deixa o desencanto num canto e sorria sempre! Parabéns e felicidades.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Olá, querida Valéria

    "Tu és o orvalho que me beija"...
    (Meliss)

    Em pleno período pascal nos reencontramos para tecer o nosso Desencanto... entrelaçar partilhas de coração a coração...

    Hoje é o seu níver??? Que coisa mais linda!!!
    Vc vai ter uma bênção especial então... se Deus permitir...

    Sabe, meu papai teve morte social só no finzinho mesmo da sua vida... sei do que fala... as características mencionadas por vc: sem brilho... tudo acinzentado... e outras...
    O Desencanto é triste demais!!!
    Que vc esteja do ia todo Encantada pelo dom da sua vida, amiga!!!

    Obrigada por sua participação e nos vemos no próximo mês se Deus quiser!!!
    Bjs de Paz e Esperança junto com o meu carinho fraterno

    "Meu coração orvalhado
    pleno de gratidão,
    agradece a Deus"...
    (Élys)

    ResponderExcluir
  4. Oi querida
    Parabéns pelo seu niver, muitas alegrias é o que lhe desejo.
    Muitos não conseguem superar os obstáculos da vida e ficam desta forma por vc relatada, infelizmente,
    bjs, como muito carinho.

    ResponderExcluir
  5. Valéria, estou numa dúvida cruel... Recebi um livro maravilhoso pela Valéria Wernek, é vc?

    Tenho, várias conhecidas e estou perdida no sobrenome...

    Beijoooooooo e grata!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bia!
      rssss
      Não, não sou eu. E haja valérias heim?rsss

      Excluir
  6. Olha o desespero rsrsrrsrsrs Agora que li o maravilhoso texto! Muitoooooooooo anos de vida p/ vc. E se encante com tudo! A aprendizagem vale a pena!

    Bjãoooooooooo

    ResponderExcluir
  7. Passar a funcionar por desarmonia é falta de amor...,
    Beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  8. Esses desencantos nos faz sofrer muito.... caímos, choramos, mas as forças nós buscamos em quem nunca nos abandona: Deus!

    Valéria, muito obrigada por seu comentário na minha postagem.
    Amei!

    E aqui também, te desejo um ótimo dia, um ótimo aniversário e que todos que a amam estejam aí te paparicando muito.
    Beijos


    Ganhar livro? Ahhhh, eu quero!!!

    ResponderExcluir
  9. Que bacana, é seu aniversário? Parabéns! Todas as bênçãos do céu! Lindo texto triste, mas lhe desejo neste aniversário todo o encantamento possível para vc. Grande abraço!

    ResponderExcluir
  10. Embora eu tenha já lhe enviado os parabéns pelo facebook, faço-o novamente por aqui, felicidades minha querida!

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Valéria
    Meus parabéns. Que a vida lhe sorria sempre.
    beijos

    ResponderExcluir
  12. Antes de qualquer comentário, os meus parabéns. Que o ano que hoje inicia, seja um ano de muita luz, saúde e alegria. Que seja pleno de realizações pessoais e que perdure na memória como um dos mais felizes de sua vida.
    Gostei da sua postagem. Conheci muitas mulheres assim.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderExcluir
  13. Pelo menos a sua personagem não se vestiu daquela inveja amarga que não suporta nada ou niguém que esteja bem. Afastou-se da vida, melhor, pensou que se afastou dela, mas apenas passou a vivê-la de outra forma: sem cor, sem forma, sem som, sem gosto... como o próprio DESENCANTO.
    Sabe que já conheci pessoas assim? Pena, adoecem...e precisam de tanto afeto!
    Bjsssssssssssssssss, quérida!

    ResponderExcluir
  14. Parabéns primeiramente,muitas felicidades pra você sempre, linda sua postagem, bela participação, adorei teu blog.
    bjs

    ResponderExcluir
  15. Querida, parabéns, muitas felicidades e muitos encantamentos em sua vida!!!!
    Belíssima a sua mensagem! Obrigada por compartilhar.
    bjs Sandra
    http://projetandopessoas.blogspot.com//

    ResponderExcluir
  16. Parabéns pelo aniversário e lhe desejo as delícias de todos os encantamentos possíveis!!
    Acredito que o texto seja fictício para exemplificar uma situação bastante normal entre as mulheres que antes viviam somente para criar filhos, cuidar do marido, de suas vontades e da casa. Ser mulher nunca foi fácil. Ser homem sempre foi confortável! Mas veja que o homem está nessa história como um coadjuvante fazedor de filhos. Quais seriam os sonhos desse homem?
    Um casal depois de anos de convivência passam a ser espelho do outro e nesse caso, espelhos convexos.
    Valéria, obrigada por participar da blogagem e divulgar o bookcrossing blogueiro de uma forma bastante criativa. Mas é lógico que quero participar :)
    Beijus,

    ResponderExcluir
  17. Parabéns,Valéria!Sejas sempre muito feliz, desejo de coração!!

    Linda participação e também adorei a forma de participar do "desapego" do livro...beijos,chica

    ResponderExcluir
  18. Parabéns Val...!!!! tudo de melhor e mais lindo pra você.
    p.s: ando com uma sinusite chata estou sem poder escrever muito minha cabeça tonta..
    beijo grande

    ResponderExcluir
  19. Bom dia,Valeria!!

    Puxa...dói o coração pensar em alguém vivendo assim...com tanta mágoa acumulada...triste,né?!E tem tantas assim...
    O desencanto torna o coração amargo,duro...
    Belíssima participação,minha amiga!Já desejei feliz aniversário no face...mas desejar felicidade nunca é demais!!rsr
    FELICIDADES PRA TI!!!!!!
    Beijos!Bom começo de semana!!

    ResponderExcluir
  20. Bem, como para saber o que o desencanto é preciso antes ter sido tocada pelo encanto... ter vivido um amor de verdade.
    E quem aprendeu a amar, não desaprende nunca, apesar das dores implícitas. Feliz aniversário e parabéns pelo texto.
    Bjks.

    ResponderExcluir
  21. Bela sua participação na blogagem colotiva minha querida, muitos podem ser os motivos de desencanto em nossas vidas, saibamos observa-los, tentemos aprender com cada um deles e destas forma teremos mais chances de os transmutá-los.
    Feliz aniversário amiga, sejas sempre muito feliz.
    beijos e ótima semana,
    Valéria

    ResponderExcluir
  22. Valzinha querida, doloroso sentir desencanto pela vida. Mas ela tem tantas coisas bonitas a nos oferecer e quando sabemos enxergar vivemos num eterno encanto. A vida é feita de fases e cada uma delas tem seu encanto.

    bjos de luz e carinho ♥

    ResponderExcluir
  23. Oi Valeria,

    O desencanto ronda a todos não é? Mulheres guerreiras que enfrentam o mundo para criar seus filhos geralmente tem ou tiveram um grande desencanto, com o amor de sua vida, com a propria vida, enfim. É importante nao se deixar amargurar ou fechar-se para o mundo.
    Obrigada por sua visita ao Lichia Doce.
    OBS: a minha postagem é apenas um conto, baseado em tantas historias que ouvimos ou ate presenciamos, com amigos, familia...não é um depoimento.
    Deus foi muito generoso comigo e deu-me um marido maravilhoso. Carinho, amor e respeito não me faltam.São 12 anos de união e somente encantamento a cada dia, claro, com seus momentos nao tao bons, mas nenhum deles capaz de cuasar um 'desencantamento'.
    Bjos

    ResponderExcluir
  24. Senti vontade de te oferecer o calor do sol e o brilho das estrelas.
    Mas pensando bem, prefiro agradecer tua amizade e dizer que você é meu presente,
    um ser iluminado que consegue trazer ao meu mundo grande carismae alegrias.
    Você realmente representa a palavra " AMIZADE " É belissimo ter vc comigo !
    Seu carinho e sua amizade me faz muito bem.
    Muitas bençãos e vitórias pra você nessa semana.
    Que Deus guie seu caminho hoje e sempre.
    Carinhosamente te desejo uma semana de paz e na luz.
    Beijos no coração.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  25. Oi Valéria!
    Viver é desencantar-se não é?
    Ninguém foge disso...o que fazemos a partir disso é que faz toda a diferença.
    Adorei seu texto. Parabéns pelo seu dia.
    bjos

    ResponderExcluir
  26. Valéria!!

    Feliz aniversario queridona!

    Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário.
    Alague seu coração de esperanças, mas não deixe que ele se afogue nelas.
    Se achar que precisa voltar, volte!
    Se perceber que precisa seguir, siga!
    Se estiver tudo errado, comece novamente.
    Se estiver tudo certo, continue.
    Se sentir saudades, mate-a.
    Se perder um amor, não se perca!
    Se o achar, segure-o!
    Fernando Pessoa
    eu desejo que vc seja muito feliz!

    beijos!

    ResponderExcluir
  27. Valeria,muito linda sua participação!O desencanto sempre vai aparecer em nossa vida,num momento ou outro, mas o importante é não se deixar desencantar para sempre!Parabéns pelo seu niver e que venham muitos encantos em sua vida!bjs e boa semana!

    ResponderExcluir
  28. Quantas pessoas assim há, no meio de nós, de coração cinzento!
    Parabéns! Bjs

    ResponderExcluir
  29. Valéria, feliz aniversário! muitas alegrias no seu caminho...

    muito triste quando alguém se deixa vitimizar pela sua própria história...não dá pra esquecer que sempre podemos fazer escolhas e que mesmo quando dependentes do outro(de uma maneira ou de outra)somos fazedores do nosso caminho
    *obrigada por seus comentário e visita
    beijão,

    ResponderExcluir
  30. Oi Val!!!

    Quero lhe desejar um FELIZ ANIVERSÁRIO,um pouco atrasada, eu não esqueci viu? É que eu estava viajando e só hoje pude fazer minhas atualizações. Que você possa sempre ser muito feliz na data de seu aniversário e em todos os outros dias do ano realizando tudo o que considera importante para você ao lado da sua família. Muitas felicidades, parabéns por esse dia tão especial!!!
    Bjs e abraços :)

    ResponderExcluir
  31. Parabens minha amiga como os mais sinceros votos de paz e saude e que a alegria esteja sempre por perto.Felicidades.
    Mas falar de desencanto é estar sempre a falar de vida com todas suas mazelas das quais não estamos imunes.Viver sempre plenamente conscio das alegrias e tristezas.Estamos sempre numa festa com uma porta que pode nos levar a solidão.
    Belo trabalho nesta blogagem.
    Meu carinhoso abraço.
    Bela semana a voce.

    ResponderExcluir
  32. Olá Valéria.
    Uma bela participação, o mais importante como vc coloca é não ficar preso àquele sentimento... O pior de viver olhando o mundo ao seu redor com um triste... saber e aceitar que a vida é feita de encantos e desencantos. Que graça teria se a vida fosse uma linha reta ñ é mesmo? São os obstáculos que nos ennsinam e nos fortalece. Bjs. Ieda.

    ResponderExcluir
  33. Voltei, pra desejar, mesmo atrazada, um feliz aniversário, tenha sempre muita alegria, saúde,paz, amor e tudo de bom que podemos desfrutar da vida! Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  34. Oi Valéria,
    obrigada por não ter abdicado de estar connosco apesar de ser seu dia de aniversário. Parabéns atrasados.

    Você se saiu muito bem. O texto "dela" está impecávelmente escrito. Aqui na sua participação, encontrei uma outra palavra que poderia ser título da 2ªfase: Desenganos.

    Estabelecendo o paralelo com a 1ª:
    Encantamentos são enganos;
    Desencantamento, desenganos.

    Dá outra perpectiva ao tema, não dá? Adoro aumentar repertório linguistico. Obrigada.
    Beijinhos além-mar.
    Desejo-lhe um novo ano muito feliz e repleto de coisas boas.
    Rute

    ResponderExcluir
  35. Só agora arranjei um tempinho para vir ler a sua participação, gostei do que li mas foi tão tristinho, fiquei com tanta pena dessa velhinha, senti um desejo enorme de chegar perto dela e levá-la a ver o mar, segurar na mão dela e ficar assim, a olhar o infinito, fazendo companhia em silêncio mas com o coração abraçando-a.

    Desejo que tivesse tido um ótimo dia de aniversário, com boa companhia e muitos presentes.
    Bj

    ResponderExcluir

Gostei de sua visita, volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...